Postagens

Mostrando postagens de junho, 2009

O Encontro

Imagem
Zé Luís Não tenho a intenção em tentar convencer que isto realmente aconteceu. Tenho pelo menos dez testemunhas da primeira visita, e mais de trinta, quando o encontro aconteceu, em 2001, se a memória não me falha. Na época, dava estudos bíblicos para jovens e adolescentes aos domingos, numa igreja evangélica no meio de uma comunidade de São Bernardo do Campo, e por não ter um mínimo de conhecimento sobre didática ou coisas relacionadas à pedagogia, pedia a Deus que me ajudasse a pensar no que eu poderia falar para aqueles garotos, que disputava entre traficantes e tarados daquele lugar. Não eram muitos, mas gostavam de me ouvir e eu, de compartilhar minhas experiências e meditações com eles. Foi uma destas idéias que borbulhavam constantemente em minha alma – e quase ouso afirmar que eram idéias não nasciam de mim, por estarem acima de minha capacidade intelectual. Acreditava que eram resposta para minhas orações. Tudo surgia pronto, definido. Daquela vez, minha classe, sem

Roda Viva

Tem dias que a gente se sente Como quem partiu ou morreu A gente estancou de repente Ou foi o mundo então que cresceu... A gente quer ter voz ativa No nosso destino mandar Mas eis que chega a roda viva E carrega o destino prá lá ... Roda mundo, roda gigante Roda moinho, roda pião O tempo rodou num instante Nas voltas do meu coração... A gente vai contra a corrente Até não poder resistir Na volta do barco é que sente O quanto deixou de cumprir Faz tempo que a gente cultiva A mais linda roseira que há Mas eis que chega a roda viva E carrega a roseira prá lá... Roda mundo, roda gigante Roda moinho, roda pião O tempo rodou num instante Nas voltas do meu coração... A roda da saia mulata Não quer mais rodar não senhor Não posso fazer serenata A roda de samba acabou... A gente toma a iniciativa Viola na rua a cantar Mas eis que chega a roda viva E carrega a viola prá lá... Roda mundo, roda gigante Roda moinho, roda pião O tempo rodou num instante Nas voltas do meu coração... O samba,