4 de outubro de 2010

O que são os evangélicos afinal?

por Zé Luís

Acompanhando as apurações no domingo através da Rede TV em São Paulo, ouvi uma frase, sobre a surpreendente divergência dos números na apuração em relação aos fornecidos pelos institutos de pesquisa( creio que não deram a devida impostância às redes sociais):

“As agências pesquisadoras não conseguem explicar essa grande diferença. Alguns atribuem essa mudança aos frequentes BOATOS religiosos infundados que inundaram a internet tentando manipular os evangélicos...”

Antes, um parêntese:

Aqui perto de casa tem um mercado, daqueles de vila, onde o dono insiste em não aceitar o uso de cartões de crédito, já que eles cobram 3% em média do comerciante. Ele prefere dar esse desconto nos produtos e -pasmem – apesar dos diversos mercados concorrentes que abriram nas proximidades e usam o benefício, ele ainda é a opção mais frequentada na vila. Eu mesmo compro lá, e dia desses, o encontrei nervoso entre os seus clientes, que insistem em pedir para que ele comece a usar. Eu, que cheguei depois e não vi o ocorrido, foi quem recebeu a resposta, em forma de desabafo:

“A anos atrás, o Governo começou com um plano de implantar estes cartões, em conchavo com as operadoras, mandando os bancos liberarem talões de cheque, independente do perfil de quem receberia. Isso gerou uma enorme inadimplência, muitos emitiam cheques sem ter como pagar, e lógico: o cartão de crédito passou a ser a opção mais segura, mais válida ao sistema financeiro, já que o uso de talões fez com que as pessoas se habituassem a andar sem dinheiro em carteira. Sabe aquele truque onde você coloca a mão em água fria, e tem a impressão que está gelada porque antes estava com a mão em água crente?...”

Ele sabia da verdade, mas não podia fazer nada com isso. Morre com ele, em um bairro de periferia de São Bernardo do Campo.

Senti-me assim, diante da forma que o repórter se referiu ao grupo manipulável que eu faço parte: os evangélicos. Fiquei realmente com vergonha, por mim, por meus irmãos não perceberem a manipulação diante de suas faces.

Nós, os crentes, somos aquele grupo tratado como idiotas a cada eleição, onde pastores impõem suas escolhas pré-combinadas, contando histórias sobre sacis e capetas, em sua descrição de quem pode e quem não pode votar.

Sim, meu caro leitor - chamado – evangélico:
Você é manipulado, você conheceu a Verdade, mas continua digerindo mentiras – muitas delas de péssima qualidade – devidamente encomendadas por partidos e coligações (conheço gente muito boa neste trabalho de espalhar boatos).

A culpa é sua por associar o diabo à política desta forma tão mística e descabida. Ou pense: desde quando se tornou um expert em política para ficar repetindo, sem base nenhuma, o que a mídia encomenda para você engolir? A maioria de nós não entende nada sobre o assunto, apenas papagaia o que ouviu, defendendo interesses que nem são seus.

Mas temos mais algumas semanas: veja lá quais serão seus argumentos na escolha de seu candidato. Aproveite e pense na índole de quem encomenda este tipo de mentira: o que ele pensa que você é?

4 comentários:

  1. Hmmm...

    Apesar de concordar com grande parte do que disse, creio que a maioria está realmente mais consciente. Essas coisas (consciência e tal) vêm assim mesmo, chegam devagar.

    Eu, agora, voto em Serra.
    Pelo menos até agora... Posso mudar, embora ache difícil. Eu já ia votar em Serra no 1º turno, só dei uma chance a Marina por ela ser mulher e cristã e estar de acordo com umas outras convicções políticas.

    Quando se vê o discurso e propostas, sempre tive mais afinidade com Marina, depois Serra, mas... Não sou inflexível como alguns. É justamente isso o que me chateia em petistas, eles falam dos religiosos, mas são um bando de neuróticos fanáticos! Eu, hein? Tenho é medo! Kkkkkkkkk...

    p.s.: alguém está me devendo um email dizendo por que não votar em serra.

    ResponderExcluir
  2. Faz sentido.

    Mas Dilma é piada de mau gosto.
    Não sobrou ninguém elegível no PT e pegaram quem sobrou...

    E realmente foi considerada uma piada há 3 anos atrás...
    Mas se vc contar uma mentira mil vezes as pessoas as tomam como verdade, né?
    Pois é, depois de muita verba do PAC e da presidência usada em palanque pré eleitoral, tá aí...

    Enfim... Até faz sentido o que vc disse, mas sem efeito na atual conjuntura.

    Mas parabéns pela reflexão.
    Abraço

    Serra nunca foi minha primeira opção. Mas Dilma não é ultima, pq não é uma opção.

    ResponderExcluir
  3. Meu... isso é relativo

    Fato é q houve muita manipulação

    Mas pense comigo

    Vc já viu os projetos "fabulosos" q Dilma pretende implantar nesse país? Isso não é nenhum boato, pode ir no site do PT e vc verá;

    Segundo: em qualquer site da internet q vc for verá q em TODAS AS ENQUETES Marina ganhou disparado. Isso não é só um movimento "evangélico", muitos não-cristãos votaram em Marina, MUITOS MESMO.

    Terceiro: Muitos evangélicos votaram em Dilma ou Serra. Procure a turma da Universal ou o Pastor Silas Malafaia e vc verá q não estou mentindo.

    Por fim, tenho q concordar, a manipulação foi grande mesmo. Mas de TODOS OS LADOS. Não só marinistas.

    Fique com Deus.

    ResponderExcluir