6 de julho de 2011

Crente celular


Homenagem a Kleber Rodrigues. Nunca vi alguém rir da mesma piada tantas vezes