17 de dezembro de 2011

Depois


Da Marise Monte não conheço muito. Além das poucas que passam nas radios, a famosa "Bem que se quis", cantada em todos os Karaokes do mundo, e 99% dos shows de calouros.

Já devo ter ouvido essa uma centena de vezes, mas só hoje prestei atenção no poema que a letra transmite. Uma despedida tardia, triste, como são o fim dos amores.

Pela liberdade que Cristo me dá, tenho o grato direito de ouvir coisas profundas como essa, mesmo não sendo essa algo tido como sagrado, apenas simples e belo.