Postagens

Mostrando postagens de Março, 2012

Senhor tu és bom (versão original em inglês)

Imagem
Cena do filme The Gospel (Segundo o evangelho). Um belo louvor na congregação. Dica do meu filho do meio preferido, Gabriel Queiroz (tenho um primogênito preferido e mais um caçula preferido...)

Ovo de dragão

Imagem

Por que hoje é sexta-feira!

Imagem
Agora é só imaginar o Tchu-tcha-tcha, tchu-tcha... Siga @cristaoconfuso pelo Twitter

Zombaremos de Jesus, mas não de Maomé’, diz chefão da BBC

Imagem
O chefe da BBC, Mark Thompson, admitiu que a rede BBC jamais zombaria de Maomé como zomba de Jesus. Ele justificou a espantosa confissão de preconceito religioso dando a entender que zombar de Maomé teria o mesmo peso emocional da pornografia infantil. Mas tudo bem zombar de Jesus porque o cristianismo suporta tudo e tem pouca relação com questões étnicas. Thompson diz que a BBC jamais teria levado ao ar “Jerry Springer – The Opera” ­ um polêmico musical que zomba de Jesus ­ se o alvo fosse Maomé. Eles fez essas declarações numa entrevista para um projeto de pesquisa da Universidade Oxford. Thompson afirmou: “A questão é que, para um muçulmano, uma representação teatral, especialmente se for cômica ou humilhante, do profeta Maomé tem o preso emocional de uma grotesca peça de pornografia infantil”. O porta-voz da BBC não quis comentar as declarações. No ano passado, o ex-âncora da BBC Peter Sissons disse que é permitido insultar os cristãos na rede, mas que os muçulmanos

Enquanto isso, nos reinos celestiais...

Imagem
E não podemos esquecer que esses símbolos estão nos botões do controle do Playstation... Ah! Já ia me esquecendo: Disney, Mangás diversos, He-man (desenho antigo de um herói que usava Channel), Xuxa... tudo isso aí foi consagrado... Ironia_mode_On Siga @cristaoconfuso pelo Twitter

Muito legal: divertindo-se com quadros

Muito bem feito. Vale a pena! Visto lá no Sedentário & Hiperativo

Compilação dos melhores "fails" do mês de Março

Imagem
Preciso confessar: teve cena que eu acabei rindo mesmo, apesar dos pesares... Vi no Ela tá de Xico Siga @cristaoconfuso pelo Twitter

O mesquinho que nos habita

Imagem
por Zé Luís Um estalo, e o mundo desmorona como se nunca tivesse sido um lugar seguro, quando a maldita sola do sapato finalmente pisa em falso, e nos deixa estatelado, diante da multidão de outros anônimos que nem se esforçam para abafar a sonora gargalhada. Sempre cremos que isso ocorre apenas com pessoas descuidadas, insensatas, tolas, cheias de confiante arrogância, e não estamos de todo errado, mas deixamos um ponto impostante de fora: hora ou outra estamos incluídos nesse seleto grupo, por mais que insistamos em dizer o contrário. Por sermos versados na difícil arte de ser discípulo amado de Deus, cremos piamente que isso é devido ao nosso grande e misterioso mérito (tão misterioso que nós mesmos, se olhássemos com honestidade para nós mesmos, não teríamos a menor ideia do que seria). Dignos por sermos escolhidos parece uma resposta óbvia, por mais que Deus insista em escolher coisas improváveis para convencer as prováveis, por mais que o Mestre busque nas viela

Revolução Cultural

Imagem
Ed René Kivitz  Acabo de ouvir Zigmunt Bauman por 30 minutos, em entrevista concedida a Sílio Boccanera, para o Programa Milêmio, da GloboNews. Dos interessantes comentários a respeito do que Bauman chama de “revolução cultural”, tive alguns insights. Na verdade, dois. E ambos parafraseando o “penso, logo existo” de Descartes. Vivemos dias de “devo, logo existo”. Bauman disse que na sociedade capitalista quem não consome, não existe. Deixamos para trás a caderneta de poupança: “consiga o dinheiro e compre o que que quiser”, e migramos para o cartão de crédito: “compre o que quiser e depois consiga o dinheiro para pagar”. O resultado dessa mudança de paradigma de consumo é a dívida. Mudou o ditado. Antes se dizia “quem não deve, não teme”, hoje se diz “quem não deve, não existe”, pois quem não deve não interessa aos donos do crédito. E quem não interessa aos donos do crédito está alijado da sociedade. Além de “devo, logo existo”, vivemos dias de “sou visto, logo existo”. Essa é

Excelente campanha de prevenção de acidentes domésticos: como as crianças veem as coisas?

Imagem
Crianças veem coisas de forma diferente Siga @cristaoconfuso pelo Twitter

Tua Graça me basta

Imagem

Como um evangélico raciocina? rsrsrsrsrsrsr

Imagem
Dica da Rosana Vitorino  , professora de EBD. Ela viu no UMAP Votuporanga Siga @cristaoconfuso pelo Twitter

Pegadinha hilária!

Imagem
Só falta algum chato me acusar de homofobia...kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk Esse eu vi lá para os lados do Sedentário & Hiperartivo . Siga @cristaoconfuso pelo Twitter

Enganoso é o coração do homem

Imagem
Vi no blog da @angelasalvador

Após um ano servindo no exército, soldado reencontra seu cãozinho

Imagem
Existe algo mais sincero de que essa exagerada demonstração de alegria? Siga @cristaoconfuso pelo Twitter

Não sou muito de assistir TV, mas esse programa eu gostaria de ter visto... kkkkkkkkk

Imagem
Zeca Camargo, finalizando o Fantástico, após uma gafe de uma matéria que não foi ao ar, gagueja, improvisa e... fail! Siga @cristaoconfuso pelo Twitter

Como sua opinião é influenciada?

Imagem
por Zé Luís O general procura o sargento, que naquele momento está diante de seu pelotão, e pergunta ali mesmo qual sua opinião sobre um outro militar de mesma patente, que milita em um posto vizinho: -O sargento Tomás é um homem disciplinado – respondeu ele,  tem formação acadêmica exemplar, os soldados formados por ele conseguem sempre boa avaliação nas provas, um exímio conhecedor de armas, domina varias artes marciais, tão valiosas em combate, um ótimo estrategista... Um cabo de seu pelotão, discretamente, se aproxima e sussurra em seu ouvido, ainda quando ele enumerava os dotes de seu colega de farda: -Sargento... esse Tomás que você está qualificando positivamente é aquele que fala mal de você para todo mundo... -Eu sei – disse ele – mas a pergunta do general é sobre minha opinião em relação a ele, e não a opinião dele sobre minha pessoa. Ouvi essa história há muitos anos, durante uma aula de escola bíblica (lembro do Kleber Marques dando essa aula e talvez e

Enquanto isso, numa reunião da B.A.(Bandidagem Anônima)

Imagem
Siga @cristaoconfuso pelo Twitter

Retoques digitais fantásticos

Imagem
Christophe Huet é um artista gráfico que se destaca como fotografo, aliando isso a criatividade e habilidade em modificações digitais, sempre baseando-se em imagens simples agregadas a situações inverossímeis. Alguns resultados podem ser apreciados na coletânea abaixo:

Nos Galhos Secos - gargalhei demais...

Imagem

Descobertas reveladoras

Imagem

Usuário arrependido: instalou aplicativo CASAMENTO

Imagem
Abaixo, diálogo bem nerd. Sabe aquele software que você instalou e não consegue mais remover da sua vida? Então... USUÁRIO: Prezado Técnico, Há um ano e meio troquei o aplicativo[Noiva 1.0] pelo [Esposa 1.0] e verifiquei que o programa gerou um aplicativo inesperado chamado [ Bebê.exe ] que ocupa muito espaço no HD. Por outro lado, o [Esposa1.0] se auto-instala em todos os outros programas e é carregado automaticamente assim que eu abro qualquer aplicativo. Aplicativos como [Cerveja_Com_A_Turma 0.3], [Noite_De_Farra 2.5] ou [Domingo_De_Futebol 2.8], não funcionam mais, e o sistema trava assim que eu tento carregá-los novamente. Além disso, de tempos em tempos um executável oculto (vírus) chamado [Sogra 1.0] aparece, encerrando Abruptamente a execução de um comando. Não consigo desinstalar este programa. Também não consigo diminuir o espaço ocupado pelo [Esposa 1.0] quando estou rodando meus aplicativos preferidos. Sem falar também que meu aplicativo predileto,  [Sexo

Arte urbana pode ser bem divertida!

Imagem
OaKoAk é um artista francês que gosta de “brincar com elementos urbanos”, como ele mesmo costuma dizer. Bom, o comentário não é exagerado. Visto no  Buteco da Net Siga @cristaoconfuso pelo Twitter

Dica: como evitar uma discussão com sua "amada"... rsrsrsrsr

Imagem

E você achando que Toy Story é uma das melhores animações já vistas...

Quem são as quatro beldades em fuga, contra todo a frota policial, dirigindo carros e sendo perseguidas por inúmeros carros de corrida? Estes são os ingredientes básicos da incrível animação “The Chase”. Philippe Gamer mistura elementos de Velozes e Furiosos, Transformers e outros filmes de ação para mostrar que uma boa perseguição não pode deixar o espectador respirar. Confira. Visto no Boteco da Net

A deficiência, as vezes, é capaz de nos fazer enxergar a realidade onde ninguém vê

Imagem

O segredo do Big Brother... rsrsrsrsrs

Imagem

Confesso que não dava nada pelos garotos...

Imagem

A diferença entre aquele que serve e o que não serve?

Imagem
Acho que ficou claro, não? Siga @cristaoconfuso pelo Twitter

Como Manipular um Público

Imagem
O que você está prestes a ler são trechos do livro de Georges Picard, 'Pequeno Tratado para Uso Daqueles que Querem Ter Sempre Razão'. Depois de ler as considerações abaixo, responda: Conhece algum líder espiritual que parece ter utilizado os ditos abaixo como cartilha em sua congregação? Segundo uma lei conhecida, os homens, considerados colectivamente, são mais estúpidos do que tomados individualmente. Numa conversa a dois, convém que respeitemos o parceiro, mas essa regra de conduta já não é tão indispensável num debate público em que se trata de dispor as massas a nosso favor. Há uns anos, um político pagou a figurantes para o aplaudirem numa concentração. Como bom profissional, compreendera que uma claque, embora não melhore o discurso, predispõe melhor os espectadores a descobrirem os seus méritos. O mimetismo é a mola principal para mover as massas no sentido do entusiasmo, do respeito ou do ódio. Mesmo perante um pequeno público de trinta pessoas, há sempre

Ingrediente usado em Coca-Cola - e Pepsi - pode causar câncer

Imagem
Más notícias, meus amigos. A Coca-Cola e a Pespi têm um ingrediente potencialmente cancerígeno em sua fórmula: o 4-metilimizadol (4-MEI). Mais más notícias: eles não estão removendo o componente, eles estão apenas reduzindo sua quantidade para impedir que suas embalagens venham com um alerta de risco de câncer. O 4-metilimizadol é uma molécula que se forma durante o processo de aquecimento e caramelização, algo comum e que acontece quando você cozinha algo. Ela também está presente em agrotóxicos e corantes de caramelo. O elemento foi incluído pelo estado da Califórnia em uma lista de cancerígenos conhecidos após um estudo científico indicar conexão do 4-MEI à presença de câncer em ratos. O FDA americano, que regula remédios e alimentos, no entanto, disse que não há riscos: eles afirmam que você precisa beber mais de  mil latas por dia  para tomar a mesma dose administrada nos ratos que contraíram câncer. Mas será que eu preciso tomar todas essas latas em um só dia, FDA? Porq

Mas onde é que está escrito isso?

Imagem
"Deus ama o pecador, mas abomina o pecado" "Não cai uma folha de uma árvore sem, que assim, Deus o ordene..." "Diga-me com quem tu andas e eu te direi quem és" "...pois Deus não escolhe os capacitados, mas capacita os escolhidos..." Tudo isso aí não existe na bíblia... E você? Conhece mais alguma frase de efeito que concorreria a uma caixinha de promessa? Aquele chavão que até pastor tarimbado cita como voz de um santo bíblico?

“Foi quando o pastor adulterou, e a igreja teve seu fim...”

Imagem
por Zé Luís Sim. Ouvi essa frase - ou equivalentes – mais vezes do que gostaria. Fazia parte de uma história triste, contando sobre o líder de uma comunidade cristã – dita protestante(?), mais comumente chamada evangélica – e de como aquele que deveria ser exemplo de inerrância falhou vergonhosamente diante de seu rebanho, ao ter relações fora de seu casamento. Já ouvi pessoas contarem com entonações trágicas, infelizes e algumas, com pitadas de certo prazer, como se o êxito daquele pastor fosse invalidado por causa do flagrante ato hediondo. No fundo, havia pitadas de inveja enrustida e óbvia, da parte dos medíocres quando veem com incontida satisfação um colega com talento para arrebanhar almas, cair diante de um pecado não aceito. Pode parecer absurdo, mas a mentira, a soberba, a inveja, a gula, a ganância, tudo isso é amplamente aceito entre os ditos cristãos da atualidade, enquanto a luxuria derruba ministérios entre nós, ditos evangélicos tupiniquins. Um narcisista, u

Pesadelo de uma família em dias de verão

Imagem
Sim! É o pesadelos das crianças e das donas de casas que, desavisadas, chegam em casa levando as amigas para um café. Duro para mim se identificar com um ou outro integrante da pequena - e hilária - propaganda de ar condicionado, mas assim é a realidade. Vi no Sedentário & Hiperativo

10 dicas do Drummond para se escrever - bem - melhor

Imagem
1. Não acredite em originalidade, é claro. Mas não vá acreditar tampouco na banalidade, que é a originalidade de todo mundo. 2. Não fique baboso se lhe disserem que seu novo livro é melhor que o anterior. Quer dizer que o anterior não era bom. Mas se disserem que seu livro é pior que o anterior, pode ser que falem verdade. 3. Procure fazer com que seu talento não melindre o de seus companheiros. Todos têm direito à presunção de genialidade exclusiva. 4. Aplique-se a não sofrer com o êxito de seu companheiro, admitindo embora que ele sofra com o de você. Por egoísmo, poupe-se qualquer espécie de sofrimento. 5. Sua vaidade assume formas tão sutis que chega a confundir-se com modéstia. Faça um teste: proceda conscientemente como vaidoso, e verá como se sente à vontade. 6. Opinião duradoura é a que se mantém válida por três meses. Não exija maior coerência dos outros nem se sinta obrigado intelectualmente a tanto. 7. Procure não mentir, a não ser nos casos indicados pela pol

A arte do insulto

Imagem
Meu filho retornou do trabalho comigo hoje, e emprestou um dos fones de ouvido para compartilha as  pérolas de seu playlist. Umas das músicas era essa do Matanza: -E aí, pai? Conhece alguém que se encaixa nessa letra? - perguntou ele. Não quis responder. Sei lá se na época que eu frequentava bares, o Jimmy London, vocalista da banda, me conheceu...rsrsrsrs Na real? Esse sujeito descrito poderia ter sido eu um dia... mas só hoje tenho essa consciência. Você certamente conhece outros que poderiam ter inspirado essa canção.

Você se lembra de SimCity?

Imagem
Aquele joguinho que simulava construções de cidades? Então... Dá uma olhada na "pequena" evolução do jogo...

É assim mesmo, filhão: facinho, facinho...

Imagem

O som do silêncio - Uma bela história

Vale a pena assistir esse curta.

O pesadelo de uma noiva

Confissões de um homem casado

Imagem
Sabe quando você tem a plena certeza que o autor da tirinha está realmente tendo problemas com seu casamento? rsrsrsrs

Vendo as fotos dessa viagem, responda:

Imagem
Quem planejou a viagem?

Insatisfações

Imagem
por Zé Luís Existe algo no homem, uma minúscula fresta em sua alma, que cabe um oceano. Chavão ou não, passamos a vida tentando preencher esse espaço, e nessa, engordamos, nos perdemos em nossa sexualidade, seguimos a receita de outro perdido que jura ter acertado, lutamos, trabalhamos, roubamos, enganamos para ter - esquecendo que o que importa pode estar no "ser". O prazer, a gargalhada, o tesão, o apetite saciado, a sensação de vitória, a vantagem sobre os outros... Tudo empurrado para dentro dessa pequena fissura, na esperança de preenche-lo e sentirmos paz. A tecnologia é a grande resposta: Somos capazes de construir coisas inimagináveis e alcançar lugares inatingíveis, só para tentar tocar na velha "felicidade", a mesma que nos inundava quando criança, mamãe voltava da rua trazendo uma bala ou lápis de cor, um estado imaginário que nos alivia e momentaneamente prega a peça, quase nos convencendo, que somos capazes de nos sentirmos plenos através d

O segredo de Raul

Imagem
De Max Gehringer  Durante minha vida profissional, eu topei com algumas figuras cujo sucesso surpreende muita gente. Figuras sem um Vistoso currículo acadêmico, sem um grande diferencial técnico, sem muito networking ou marketing pessoal. Figuras como o Raul. Eu conheço o Raul desde os tempos da faculdade. Na época, nós tínhamos um colega de classe, o Pena, que era um gênio.  Na hora de fazer um trabalho em grupo, todos nós queríamos cair no grupo do Pena, porque o Pena fazia tudo sozinho. Ele escolhia o tema, pesquisava os livros, redigia muito bem e ainda desenhava a capa do trabalho - com tinta nanquim. Já o Raul nem dava palpite. Ficava ali num canto, dizendo que seu papel no grupo era um só apoiar o Pena. Qualquer coisa que o Pena precisasse, o Raul já estava providenciando, antes que o Pena concluísse a frase. Deu no que deu. O Pena se formou em primeiro lugar na nossa turma. E o resto de nós passou meio na carona do Pena que, além de nos dar um