20 de fevereiro de 2015

Irmão de cristãos decapitados agradece aos assassinos por manterem as declarações de fé dos assassinados

IRMÃO DOS DECAPITADOS CRISTÃOS

O irmão de dois dos 21 cristãos coptas assassinados na Líbia na semana passada agradeceu aos assassinos para a inclusão de declaração de fé dos homens no vídeo que eles fizeram de suas decapitações.


Aconteceu durante oração feita ao vivo em um programa de uma emissora cristã árabe SAT-7. Beshir Kamel disse estar orgulhoso de seus irmãos Bishoy Estafanos Kamel (25) e Samuel Estafanos Kamel (23), por serem "uma medalha de honra ao cristianismo ".

Cenas pungentes dos assassinatos foram vistos ao redor do mundo. As últimas palavras de alguns dos mortos foram: "Senhor Jesus Cristo".

Beshir Kamel agradeceu ao ISIS por manter nas imagens a declaração de fé em Cristo dos homens, já que isso reforçou a sua própria fé. Acrescentou ainda que as famílias dos trabalhadores sequestrados "felicitaram um ao outro" e não se desesperaram:
"Estamos orgulhosos de ter este número de pessoas da nossa aldeia que se tornaram mártires", disse ele ao programa. "Desde a época romana, os cristãos eram martirizados, e assim aprenderam a lidar com tudo o que vem contra a nosso maneira de crer. Isso só nos torna mais fortes na nossa fé, porque a Bíblia nos ensina a amar nossos inimigos e abençoar aqueles que nos maldizem.".
Os homens foram capturados pelo Estado Islâmico em dezembro e janeiro. Kamel não criticou os ataques aéreos do governo egípcio lançados em resposta, dizendo: " A demora da ação do governo procurando preservar a vida dos reféns foi louvável, já que não sabíamos onde era o cativeiro e imaginávamos que eles tinham sido martirizados no mesmo dia em que foram sequestrados. Mesmo assim, não teríamos pedido qualquer retaliação. "

O entrevistador Maher Fayez questionou sobre sua resposta, se indagado a perdoar o grupo ISIS, ele contou o que sua mãe disse que faria se ela encontrasse um dos homens que mataram seu filho. "Minha mãe, uma mulher sem instrução em seus sessenta anos, disse que o convidaria para entrar em sua casa e pediria a Deus para abrir os olhos, já que ele era a razão de seu filho ter entrado no reino dos céus."

Convidado para orar por assassinos de seus irmãos, Beshir orou: "Querido Deus, por favor, abra os olhos para que sejam salvos e encerrar sua ignorância nos ensinamentos errados que foram ensinadas."

Poucas horas depois do SAT-7 postar o clipe no Facebook que tinha sido visto 96.000 vezes. Desde então, já recebeu mais de 110 mil visualizações e foi compartilhada quase 5.000 vezes.


Nenhum comentário:

Postar um comentário