21 de setembro de 2010

Pais e filhos - curiosidades sobre a canção


Certa vez, bem antes da aids devastar a vida Renato Russo, e o Serginho Groisman ainda fazia programas meio-alternativos, vi o cantor no meio da mocidade tocar suas composições mediante ao pedido da platéia.

Não demorou para pedirem ao Legião Urbana para tocarem a bela Pais e filhos.

O Renato explicou então que aquela música era na verdade uma triste recordação de uma amiga de escola, que se suicidara. Ironicamente, ter que tocá-la o fazia sofrer.

A letra revela as constantes frases usadas entre os familiares. Saudoso, triste...

Creio que ainda é válida.

4 comentários:

  1. Sem dúvida, uma das mais lindas canções do Legião. Sempre ouço com meus filhos.

    A maneira como a letra está disposta é bem interessante. Ele fica zig-zagueando entre frases ditas na infância e na juventude, mostrando a expectativa e o cuidado dos pais e a rebelião dos filhos.

    ResponderExcluir
  2. Honestamente, não sou muito fã de Renato Russo, nunca fui, mas tenho que confessar que gosto dessa letra, de certa forma ela se eterniza. É rica, densa, praticamente, pedras clamando. Embora desconfiasse, não tinha certeza de que se tratava de um suícidio. Essa melancolia torna a canção ainda mais bela e necessária.

    ResponderExcluir
  3. Então Zé Luis, o Renato Russo acertou em cheio.
    O amor é um sentimento que poucos conhecem de verdade.
    Certa vez, alguém me disse que há uma linha tênue que divide o amor e o ódio. Parece ser verdade..
    Seria essa a causa de tanta incompreensão? Bem, isso já é uma outra história (ou, outro post..rs)
    Viva bem o dia de hoje, amigo!

    Gildo

    www.quadrangularpari.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Renato é o poeta de toda uma geração que queria extrapolar os limites impostos e...viver. Sua musica e letra falam do q somos e não externamos por todas as regars de convivencia a que estamos expostos...pena q ele viveu tanto essa ansia de existir q foi-se cedo demais... "é tao estranho, os bons morrem jovens" poisZé...

    ResponderExcluir