18 de junho de 2011

Algumas sugestões para não usar em coreografias


Confesso que não vejo muito sentido em algumas coreografias nas igrejas: as interpretações de determinados trechos da música já me levaram a incontroláveis gargalhadas.

A intenção aqui, mostrando essa estranha dança das moças japonesas(são garotas mesmos) e usam o som "Fighting Spirit" de Dragon Warrior(Quest) III para mostrar exatamente meu ponto:

"Que raio essas danças nos comunicam durante o culto?"

Sei! Miriã dançou, Davi também louvou e adorou a Deus desta forma... mas isso me parece algo espontânea. Não consigo imaginar o Rei Davi ensaiando passos com a guarda real, ou fazendo caras e bocas em direção ao espaço sideral, simbolizando algo que pode ter milhares de interpretações possíveis, inclusive algumas nada cristãs.

Isso parece confuso para você?

9 comentários:

  1. Estão querendo inovar algo que já é futuristico... Pular, Fazer caras e Bocas, ... não leva a nada, pois quem adora em Espírito e em Verdade realmente "adora ao Senhor"!

    ResponderExcluir
  2. ...e os machos sentados no banco da igreja dizem:
    Glória a Deus! (Bom demais)
    ou
    Misericórdia! (A tentação é grande)
    ;)

    ResponderExcluir
  3. Confesso q já tive q fingir estar orando, face baixa coberta pelas maos, pois nao conseguia controlar o riso numa dessas apresentações do ministério de dança...

    ResponderExcluir
  4. Bom, para mim é bem claro, nada confuso, o poder dessa arte (a dança).
    Talvez estas danças despertem (principalmente nelas) o sentimento que em vc desperta escutando um música, lendo um livro, ou mesmo jogando um game bobo. Trabalho com um grupo de dança na comunidade q frequento, sei q o q faço não é mt, mas nos momentos q elas ensaiam, ou q nos reunimos pra conversar, é quando elas esquecem da violência familiar, da mãe ausente, do luto pela pai q se foi. As apresentações são pontuadas pela emoção, dos pais e da comunidade. Vc, q tem filhos adolescentes e músicos, deve saber do q falo.
    Concordo c vc quando cita q algumas coreografias n fazem o menor sentido, mas daí a generalizar e fazê-lo caricato, é outra coisa.
    É óbvio q se estiver concentrado no figurino da menina q evidencia talvez alguma parte do seu corpo, não vai mesmo ter sensações nada cristãs...

    ResponderExcluir
  5. Essa mulher no ultimo video arrebentaou em kkkkkkk =D com tantas coreografias estranhas no culto só ta faltando copiarem as japonesas do primeiro video e colocarem na igreja... duvido nada ja pensaram nisso õÔ

    ResponderExcluir
  6. PoiZÉ...

    Tô com a Elídia.

    Conheço algumas meninas de um grupo de dança de igreja que usa esse dom para evangelizar. (Não digo 'ministério' porque não concordo com essa expressão, coisa minha, num liga não rss)

    Entretanto, como 'tudo em que o homem mete o dedo tende a azedar', acontece sim, de se desviar do foco e virar algo patético.

    Não é difícil entrar numa roubada, e fazer de forma mecânica, exibicionista, e, no caso acima, extremamente rídicula .

    Eu mesma, confesso, já entrei na onda quando ainda bem 'verdinha na fé". (Abafa!) O que me consola é que era uma coreografia mais criativa e coletiva, ou seja, não era um mico pessoal rss

    Abs,

    R.

    ResponderExcluir
  7. Minha igreja também tem dança. Não vejo nada de edificante ou bíblico nas coreografias das músicas do louvor.È muito grande forçação de barra ao usar as referencias pontuais de Miriã e Davi. Ambos saíram as ruas com o povo num momento de celebração de algo que estava acontecendo na nação, a libertação do Egito e a volta da arca. Você não ve ninguém dançando no templo, muito menos fazendo coreografias. No novo testamento, nem se fala em dança.
    Deixo bem claro que não sou contra a dança, acho uma arte magnífica. Se nosso coração está cheio de alegria, se esse for nosso desejo, podemos dançar livremente para o Senhor, eu creio nisso. E creio que a igreja também poderia promover ações de evangelismo com dança, e incluir jovens carentes também, mas sou contra as coreografias no louvor, vejo isso como entretenimento gospel.

    Layssa

    ResponderExcluir
  8. Olá Layssa!
    Participo de grupos de dança desde que me entendo por gnt...e pra mim,por um tempo tambem via a dança no louvor só como um "enfeite" pro culto...
    Mas depois consegui ter o entendimento real do sentido da dança. A dança é mais um dos inumeros meios que o Senhor tem de ministrar em nossas vidas.
    Além de ser uma expressão de adoração do bailarino,este tambem ministra a vida de quem está participando deste momento de adoração!
    Deus já falou muito comigo através da dança...vc não tem noção do quanto essa arte já foi usada!
    Essa ideia de entretenimento gospel eu tbm já tive...mas tudo muda qnd entendemos o verdadeiro sentido! =D
    Abraço!

    ResponderExcluir
  9. Creio que dança seja uma expressão de louvor, mas, quando passa da "decência" ai vira palhaçada.

    ResponderExcluir