Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2012

Em certos casos, pontualidade é tudo.

Imagem

A necessidade dos anciões

Imagem

Borboletas de papel

Imagem
por Zé Luís O filho nada entendeu quando, justamente seu pai, foi quem permitiu que seu lindo castelo, cercado das mais belas cercas de proteção - que ele mesmo tinha inventado, fosse invadido pelas mais terríveis bestas do inferno, pisoteando todas as bobagens filosóficas e religiosas nas quais gostava tanto de acreditar, e tão orgulhosamente citava como motivo das coisas caminharem tão bem em sua vida: “Como frutas” “Eu trabalho certo” “Mantenho o sorriso” “Sou duro quando tem que ser duro” “Não bebo água da torneira” e tantas regras aleatórias que fazem qualquer um acreditar que o acumulo delas nos faça ter cercas resistentes. Você pode imaginar que o pai de Epaminondas (esse poderia ser o nome de nosso herói) era um carrasco cruel, que entrega seus amados filhos ao eminente extermínio, mas ele era muito mais conhecido por seu amor para com eles, embora fazer as coisas com justiça era outro atributo. Diante dessa informação, alguém pode entender que Nondas (

Inspirado na Rebelião dos Bichos

Fica claro que A Revolução dos Bichos de George Orwell influenciou claramente a ideia dos criadores desse clipe, da banda francesa de Hip Hop Le Peuple de l'Herbe, atualizado nos moldes do recente movimento Occupy Wall Street. Embora eu não entenda absolutamente nada de francês, as imagens - algumas adultas - mostram bem onde a ideia do pop e vendável está centrado em cada país. Enquanto nossa música se arrasta a anos com bundalizações e coisas do gênero, eles vendem a ideia da necessidade da revolução em prol da liberdade. Vi no DailyWhat Siga @cristaoconfuso pelo Twitter

O que as palavras parecem siginificar e Defenestração

Imagem
Assim que li essa tirinha, lembrei da crônica de Luís Fernando Veríssimo, que li ainda garoto. Muito bom! Abaixo, a tal crônica "Certas palavras tem o significado errado. Falácia, por exemplo, devia ser o nome de alguma coisa vagamente vegetal. As pessoas deveriam criar falácias em todas as suas variedades. A falácia Amazônica . A misteriosa falácia Negra. Hermeneutas deveria ser o membro de uma seita de andarilhos herméticos. Onde eles chegassem, tudo se complicaria. -Os hermeneutas estão chegando! -Lh, agora é que ninguém vai entender mais nada... Os hemeneutas ocupariam a cidade e paralizariam todas as atividades produtivas com seus enígmas e frases ambíguas. Ao se retirarem deixariam a população prostrada pela confusão. Levaria semanas até que as coisa recuperassem o seu sentido óbvio. Antes disso, tudo pareceria ter um sentido oculto. -Alô... - O que é que você quer dizer com isso?... Traquinagem devia ser uma peça mecânica. - Vamos ter que trocar

Ele é apenas um garoto deformado

Imagem
Matt tem paralisia espástica (uma espécie de lesão na medula), mas optou por correr nas competições escolares de verão, apesar de ser dada a opção de ficar de fora e, apesar da incrível desafio de sua deficiência. Ele parte e, enquanto os outros garotos saudáveis saem disparados a frente, ele começa sua corrida. A mãe filma todo o percurso de duas voltas, e aos poucos, o que acontece espontaneamente me levou às lágrimas. O garoto, com suas pernas deformadas, começa ter o apoio de seu amigo, o professor de educação física, Sr. Blaine... daí... Bom... tem quatro minutos? Veja você mesmo... Siga @cristaoconfuso pelo Twitter

Isaías 40: Um bate papo entre amigos

Imagem
por Zé Luís Quando li a Bíblia pela primeira vez, confesso que não me pareceu uma tarefa gratificante conhecer todo aquele emaranhado de histórias antigas. Trechos de leis gerais, como no livro de Levítico, ou as intermináveis genealogias, ainda mais com as linguagens burlescas e acontecimentos que só tinham sentido naqueles dias e contextos sociais, há milhares de anos e quilômetros daqui. Minha maior dificuldade eram os profetas, com suas esquisitices e discursos fora de tempo e ordem cronológica. Um exemplo foi o capitulo 40 do profeta – dito maior – Isaías: mostrava escritos, que ao meu ver, não tinham pé nem cabeça. Na verdade, por esperar outro tipo de informação, não podia enxergar a simplicidade do óbvio: Aquilo era um diálogo, uma conversa entre amigos, Um, o que mandava, ordenando a seu subordinado que notificasse ao Seu povo uma excelente notícia, mas ausente de pontuações que me pudessem explicar qual dos personagens se pronunciava. Seguindo o roteiro contido

13 dicas que podem - ou não - ajudar

Imagem
Não tenho certeza se todas elas são válidas, mas acredito que são plausíveis. No entanto, se alguém quiser testar, aí vão 13 dicas que podem ajudar a sua vida. Use um abridor de lata para abrir embalhagens de plástico selado Use uma capa de assento sanitário para acabar com a oleosidade na pele. Aumente o volume do seu iPhne ou iPod, colocando-o numa tigela. Coma marshmallows para aliviar dor de garganta. Use jornal como absorvente de odor. Você pode colocá-lo num Tupperware, guardar na geladeira, ou em uma bolsa de couro. Use uma colher para abrir um frasco selado. Use um elástico para fazer unhas francesinhas perfeitas. Use VapoRub para treinar seus animais de estimação. Aplique nas coisas que não quer que sejam mastigadas ou virem alvo de xixi do seu gato ou cachorro. Use maionese para apagar as manchas de água em móveis de madeira. Adicione algumas gotas de vodka e uma colher de chá de açúcar para fazer flores durar

Prisão do mordomo do papa expõe mar de lama no Vaticano

Imagem
PAOLO GABRIELE VAZAVA DOCUMENTOS PARA O JORNALISTA GIANLUIGI NUZZI, QUE DESCREVE O VATICANO COMO UM PARAÍSO FISCAL NO CORAÇÃO DE ROMA, DISPOSTO A LAVAR DINHEIRO ATÉ DA MÁFIA. Via 247 Foto: Alessandro Bianchi/Reuters Será que Dan Brown, autor de best-sellers como “O Código da Vinci” e “Anjos e Demônios” tinha razão ao descrever o Vaticano como um antro de perdição? Duas prisões ocorridas nesta semana, na Itália, estão abalando a fé de muitos cristãos na Santa Sé. Primeiro, foi Ettore Gotti Tedeschi, presidente do Banco do Vaticano. Depois, o próprio mordomo do papa, Paolo Gabriele, que aparece em várias fotos à frente do Sumo Pontífice, no Papamóvel. Reportagens publicadas neste fim de semana pela imprensa italiana revelam que Gabriele vazava documentos internos do Vaticano e cartas endereçadas ao papa Bento XVI. Um dos beneficiários do vazamento era o jornalista Gianpaolo Nuzzi, nascido em 1969, que já publicou dois best-sellers na Europa: “Vaticano S/A”, já lançado no Bra

Indiretas Já - muito bom!

Imagem
Não sei se conhece o que eles estão parodiando. Se não, assista abaixo: Visto no kIBELOCO A posterior: Vi no Recortes , que viu no Pavablog... a tradução do que eles cantam... ficou melhor ainda. O programa  Comédia MTV  (com Marcelo Adnet, Dani Calabresa, Bento Ribeiro, Tatá Werneck e Paulinho Serra) apresentou  “Indiretas Já” , uma sátira venenosa da música “Roda Viva”, apresentada por Chico Buarque e MPB-4 nos festivais da época da ditadura: Se você ficou meio boiando no meio de tantas críticas contidas na canção, acompanhe abaixo as explicações didáticas de Alexandre Matias, do blog  Trabalho Sujo : Plim Plim coloriu 89, editou pra não ver Lulala =  referêcncia ao apoio da Globo a Fernando Collor nas eleições presidenciais (e o boicote ao Lula na edição de um debate entre os então candidatos) Olimpíada não se promove, é bueno a boca calar =  referencia às Olimpíadas de Londres, cujos direitos de transmissão foram comprados pela Record e não podem ser mencionada

Uma história em 2 metades

Pelo que entendi,o vídeo é uma peça publicitária, mas tem muito haver com o momento onde o virtual começa a se tornar real. Siga @cristaoconfuso pelo Twitter

O tempo passa para todo mundo...

Imagem
Confesso que algumas das celebridades acima, eu não faço a mínima ideia de quem sejam. Houve outros casos que, se não vejo a imagem do jovem, nem imaginaria quem é o idoso. David Lee Roth, ex vocalista do Van Halen, Slash, os velhinhos do Rolling Stones... Siga @cristaoconfuso pelo Twitter

Os 10 países mais perigosos para cristãos

Imagem
Traduzindo: PERSEGUIÇÃO CONTRA CRISTÃOS  Isso não é algo que aconteceu nos livros de História, envolvendo leões no Coliseu. Isso ainda acontece todos os dias É comum se pensar que o Cristianismo moderno é algo permeado de facilidades, tornando alvo de muitas críticas por crenças contrárias (talvez de forma acertada, em alguns casos). Utilizar de boa retórica para criticar os erros dessa crença pode ser algo saudável em um debate, mas até que ponto devemos ignorar as diversas perseguições ocorridas no mundo? No Brasil, por exemplo, se implode o cristianismo através de pilantras travestidos de líderes religiosos, por ser um caminho de fácil manipulação de massas mas: e nos locais, onde o que resta é apenas a crença simples e profunda no Salvador? O cristianismo pode ter se tornado uma das religiões predominantes do mundo, mas há ainda muitos lugares onde cristãos são perseguidos, espoliados, torturados e até mortos por sua fé. Muitas vezes isso ocorre como parte da políti

Encontros e despedidas

Imagem
Bateu uma saudade das minhas irmãs, lembrei dos abraços, os últimos até sabe-Deus quando. Elas voltaram para suas vidas, longe do convívio comum (e não me refiro apenas às que estão fora do país). A real é que é difícil deixar de conciliar despedidas e lágrimas, saudade e dor. Siga @cristaoconfuso pelo Twitter

Mais um pedido de casamento

O cara teve uma ideia: combinou com amigos e familiares (mais ou menos 60) e fez uma surpresa para a namorada. Ela não esperava. Sim: a coreografia é falha, os atores são amadores... mas é muito emocionante de se ver.

Alerta: aumenta o numero de usuários de crocs!

Imagem
E você o que faria se descobrisse que seu filho era usuário de crocs? Vi a bobagem no Sedentário & Hiperátivo Siga @cristaoconfuso pelo Twitter

Sabe quando tudo dá errado?

Imagem

Arte na fachada do prédio

Imagem

Reflexões de uma esposa frustrada

Imagem
por Zé Luís Em um dia, vivia cercada de empregados em sua vasta mansão. Seu marido, proeminente sábio da região, conhecido e reconhecido como um dos mais – se não o mais – prósperos que aquela vasta região tivera noticia, tinha seus bens multiplicados pelas condições que a vida abençoava.  Viviam em um tempo em que a terra ainda não matava seus homens com menos de um século de vida, o vigor dos primeiros homens, ainda recém caídos do Éden, perduravam por três ou quatro séculos, como se ainda estivessem em uma idade adulta que se compara aos moços de trinta dos dias de hoje. Era no tempo sumério, 10.000 anos antes da história começar a ser contada por Moisés nas escrituras.  Ter muitos filhos era sinal de prosperidade e, mesmo estes não faltavam a ela: dos dez que teve, sete eram meninos, viviam felizes e nada lhes faltava, nem o amor fraternal que une e fortalece qualquer um. Mesmo o dinheiro abundante que possuíam não os desviou: o marido tinha uma visão diferenciada do

Não é da sua conta!

Imagem

Bem vindo: hoje é segunda!

Imagem

Uma pergunta básica após ler essa tirinha:

Imagem
Por que a maioria de nós precisa de uma tragédia para nos mostrar a forma em que a vida deve ser usufruída?

Elogio da sombra

Imagem
Por Jorge Luís Borges A velhice (tal é o nome que os outros lhe dão) pode ser o tempo de nossa felicidade. O animal morreu ou quase morreu. Restam o homem e sua alma. Vivo entre formas luminosas e vagas que não são ainda a escuridão. Buenos Aires, que antes se espalhava em subúrbios em direção à planície incessante, voltou a ser La Recoleta, o Retiro, as imprecisas ruas do Once e as precárias casas velhas que ainda chamamos o Sul. Sempre em minha vida foram demasiadas as coisas; Demócrito de Abdera arrancou os próprios olhos para pensar; o tempo foi meu Demócrito. Esta penumbra é lenta e não dói; flui por um manso declive e se parece à eternidade. Meus amigos não têm rosto, as mulheres são aquilo que foram há tantos anos, as esquinas podem ser outras, não há letras nas páginas dos livros. Tudo isso deveria atemorizar-me, mas é um deleite, um retorno. Das gerações dos textos que há na terra só terei lido uns poucos, os que continuo lendo na memória, lendo

Técnicas de pintura

Imagem

Adiantando as coisas prometidas

Imagem
por Zé Luís Dia desses, procurando um bendito documento – daqueles que insistem em desaparecer justo no tempo em que você precisa desesperadamente deles – desmontei a parte da estante onde minha mulher destinou às minhas papeladas, apostilas, manuscritos e livros em geral (com assuntos que variam desde teologia a receitas de pão de queijo, passando por música, desenho, informática, cursos de CIPA... e outros milhares de assuntos aleatórios que não lembro e não sei por que ainda mantenho guardado...). No processo de desmontagem de tudo – claro, demorei três horas e não achei, a Cris veio e encontrou o envelope em 3 minutos – acabei reencontrando muita coisa interessante, velhos estudos teológicos sérios, de gente que hoje nem é tão séria assim, umas dicas de HTML que eu tinha esquecido, umas escalas musicais que não praticava havia anos, uma receita de pudim de leite em pó que é um espetáculo... Nem lembrava de uma apostila que eu mesmo havia escrito, um livro de quase 200