Postagens

Mostrando postagens de Agosto, 2010

O silêncio de Deus e a teimosia humana

Imagem
Imagem: Wicia Q por Zé Luís Fácil é dar explicações sobre qualquer situação ou assunto, mesmo sem ter domínio sobre tal. Posso explanar sobre coisas que realmente não sei a ponto de convencer meu ouvinte que aquilo é uma verdade absoluta e irrefutável, a não ser que o mesmo já tenha sido, de alguma forma, convencido sobre estas questões pendentes e possua uma resposta que eu julgue mais plausível. Nesse caso, sou eu quem absolverá a nova conclusão, se tiver coragem – ou mesmo humildade – suficiente para repensar meus conceitos. Ateus alegam que um homem inteligente e ousado sempre chegará a conclusão que Deus não existe, já que desafiaram a – suposta - autoridade máxima do Universo, falando horrores sobre a mesma e esta, simplesmente, não se pronunciou: “Um mundo sem Espírito é a única conclusão correta.” “Se esse deus é onipotente – tudo pode – e é um deus bom, mas coisas ruins acontecem, de duas, uma: ou ele não pode tudo, ou não é bom.” é frequentemente usado, o que me deixa c

A arte de apenas observar

Imagem
G. K. Chesterton " “Se você parar de olhar para livros sobre os animais e os homens e começar a olhar diretamente para os animais e os homens (com um senso mínimo de imaginação ou humor, um senso do desvairado ou do ridículo), você observará que o que assusta não é quanto o homem se assemelha aos animais, mas quanto ele difere deles. É a monstruosa escala de sua divergência que exige explicação. Que o homem e os animais são iguais é, num certo sentido, um truísmo; mas que, sendo tão iguais, eles sejam tão disparatadamente desiguais, esse é o choque e o enigma. O fato de um macaco ter mãos é muito menos interessante para o filósofo do que o fato de que, tendo mãos, ele não faz quase nada com elas; não estala os dedos, nem toca violino; não entalha o mármore, nem trincha costelas de carneiro. Fala-se de arquitetura bárbara e de arte inferior. Mas os elefantes não constroem colossais templos de marfim nem mesmo no estilo rococó; os camelos não pintam nem mesmo quadros ruins, em

Um pouco de romantismo no Cristão Confuso

Tá... é bonitinho. Mas não acostuma.

Um leão perambula na oficina?

Imagem
Essa eu vi no Insoonia

Seguindo a bolinha azul

Imagem

Torcida organizada da Miss Filipinas #euri

Ainda não é crime rir de determinadas situações. Aproveita.

Novo creme rejuvenecedor: Usado pelas modelos da Playboy

Imagem
Se você quer uma plástica instantânea, livre de celulites, rugas, estrias, gordurinhas, culotes, banhas em geral, como as sonhadas - nem sempre - moças nuas das revistas masculinas, eis aqui sua resposta: Abaixo alguns resultados para você ver os resultados do novo creme. Remoce instantaneamente: Emagreça em 15 minutos: Veja a pele da linda atriz! Nosso creme é o máximo! E há quem acredite nas mulheres perfeitas da Playboy...

Emancipação sexual se degenerou em pornografia, diz psiquiatra

Imagem
A revolução sexual dos anos 70 estabeleceu a liberdade de sexo, sobretudo às mulheres, porque os homens de certa maneira já a tinham. Mas ela se degenerou tanto, que hoje os casais se tornaram, na cama, imitadores dos personagens do cinema pornográfico. É o que conclui o psiquiatra Flávio Gikovate no seu recente livro Sexo (MG Editores). “O que ocorre hoje é muito triste”, disse. “É oposto que pretendia o movimento da emancipação sexual.” Também é resultado da degenerescência da revolução sexual, segundo ele, a excessiva valorização da beleza, o que é uma tragédia, porque a maioria das pessoas não é bonita. Assim, pelo fato de o desejo masculino estar muito ligado ao visual, 90% das mulheres têm sentimento de inferioridade. É por isso que hoje as mulheres se entregaram ao exibicionismo, para ver quem mais atrai os homens. E os homens também estão em disputa entre si para obter as mulheres bonitas. E tanto elas como eles cultuam a obsessão “pela aparência física e pelas coisas superf

Crente diferente

Imagem
Zé Luís Santiago era seu nome. O que sei deste pastor, co-fundador da igreja onde congrego, vi pelas filmagens, homem baixo, atarracado, típico nordestino barrigudo e sem pescoço, recolhido pelo Senhor através de um infarto. Também ouvi muitas histórias sobre suas aventuras como crente, coisa que contava durante suas pregações, e que a mocidade daquela época, hoje calvos e grisalhos cidadãos, repetem, alguns até emocionados. Uma das mais conhecidas e repetidas é quando ele resolveu, quando garoto, ser um “crente diferente”. Não suportava a ideia desta divisão entre mundo-igreja, pelo que estudara da Palavra -ainda não era pastor, mas amava as Escrituras – não via problemas em estar com velhos amigos, sentados numa calçada num final de domingo a tarde, sem camisa, após uma partida de futebol disputada ali mesmo, entre os paralelepípedos que pavimentavam as vielas do bairro. Já não andava com os engomados amigos da igreja, nem repreendia cada companheiro com um versículo quando os cer

Gambiarra: a tecnologia da adaptação(2)

Imagem

Jogo de Copos dos Sete Pecados Capitais

Imagem
Pense em um jogo de copos para vinho de mal gosto. Taí um presente para você só dar no casamento de seus desafetos. Péssimo...

Enquanto isso, numa igreja neo-penteca...

Imagem

Alguns dados que revelam arte pura

As vezes penso do que será feito o mundo, quando todo o mal produzido for inutilizado com a inevitável vinda Daquele que regenerará a vida em sua forma plena, e nãos veremos mais de forma tão precária, fugaz, nevoenta. Sim. O que fazer com toda a produção de lixo? Os dados me deram uma leve noção. O que fazer com os dados, se já não há mais sedução neste mundo para a jogatina com eles? Arte, não mão de artistas...

E se...

Imagem
O efeito borboleta ensina que a vida seria diferente se, em certo momento mudássemos o rumo normal de nossos atos. Imagem - Mathiolle por Zé Luís E se tudo fosse diferente? Ou, pelo menos, se tivesse acertado mais naquelas encruzilhadas tão necessárias e angustiantes? Não tivesse havido uma gravidez na adolescência, ou cedido ao – posteriormente descoberto – desvio de dinheiro, que ocasionou a demissão? Se o cadeado no portão estivesse fechado? Não estivesse na fatídica balada? Não tivesse experimentado aquela porcaria que usaria depois durante anos, apesar da certeza que não me dominaria? Se soubesse as palavras certas que fizessem aquele grande amor não ir embora, escolher não ter ficado naquele semáforo apesar de estar fechado, ou ter imaginado que um imprudente bêbado imbecil poderia estar excedendo o limite de velocidade bem na minha vez... Ter escolhido o curso certo, a carreira que realmente iriamos trilhar, saber que não passava de um sonho, ou ter a certeza que o ideia

Coisas que só um cavalo diria

Imagem

Vaso nas mãos de Deus, vaso nas mãos dos homens?

Imagem

Sobre o Perfume

Imagem
por Zé Luís Dia desses, no Recortes , seu editor, o desaparecido Éder, propôs que seus leitores postassem sugestões sobre bons livros. Gosto do que aparece nestas listas, e mais uma vez, fui beneficiado pelo que foi sugerido ali. Não demorou, nas minhas andanças pelos sebos da cidade, para encontrar perdido, sussurrando meu nome, implorando para que eu o levasse: Perfume, de Patrick Süskind – Sugestão da Dra. Adriana, do Razão da Esperança . Antes que você pergunte, sim: tem um filme com esse nome, e sim: é exatamente sobre esse livro. Também informo que não assisti o filme, e muito raro opiniões tão diametralmente inversas sobre uma película, mesmo nas críticas de sites especializados. O livro é uma fábula para adultos, com imagens e situações bizarras, absurdas e perfeitamente possíveis. No cenário da pútrida Paris do século XVIII, um ser nasce com um dom, um de seus cinco sentidos é perfeito: o olfato. Nasce no meio do lixo, caindo largado entre fezes e peixe podre, filho de uma

Em nome de Jesus

Imagem
por Zé Luís “Diga-me com quem tu andas, que te direi quem és” - disse Jesus a quem o testava sobre ser profeta e saber sobre a vida de todos. “Não cai uma folha de uma árvore sem que Deus assim não o queira...” Coisas que NÃO existem na bíblia, mas sempre as ouvi como máximas ditas pelo Mestre. “Não disse, mas poderia ter dito” - disse um amigo, teólogo de botequim(se é que isso é possível). Questionei o sr. “sabedeza” - segundo ironicamente ele alega ser – sobre como essas percepções apócrifas de cunho pessoal poderiam ter consequências maléficas aos filhos do Reino. Comuns são as histórias sobre gafes e confusões teológicas nos púlpitos: -Jesus também era músico! - afirmou o pregador. Diante da plateia perplexa, sacou a bíblia, indo até o episódio sobre a viúva de Naim, se atendo ao trecho onde o Mestre se encontra no cortejo fúnebre de seu filho. -Perceba! - apontava para o versículo, vitorioso, fazendo gestos de quem toca um cavaquinho - “...e tocando a esquife...”. Um dicio

Universo feminino(2)

Imagem
É... não dá prá entender mesmo... A indicação foi do conterrâneo Wally, do Desafiando Limites e Vencendo Barreiras

Das antigas: Corrida Maluca. Alguém lembra?

Nunca vi o Dick Vigarista ganhar uma corrida, por mais que ele trapaceasse.

Universo feminino

Imagem
Clique na imagem para ampliar

Tudo para manter o clima romântico

Imagem
Tá bom que ela ia continuar calminha. A coruja ia virar pitbull na hora...

O bonzômetro

Indicação do Deme, via e-mail.

Aprendendo com os incômodos

Imagem
Éramos a única família no restaurante com uma criança. Coloquei Daniel numa cadeira para crianças. Todos os cliente comiam tranqüilos, conversando, curtindo a noite. Daniel gritou animado: 'Oi, migão!' , batendo na mesa com suas mãozinhas gordas. Seus olhos bem abertos e sua boca escancarada, por pura admiração infantil. Satisfeito, ria gargalhadas altas. Olhei em volta, e logo vi a razão de seu contentamento, a janela, a poucos metros da nossa mesa: Um andarilho, casaco em farrapos jogado nos ombros, sujo e engordurado. Suas calças eram trapos com as costuras abertas até a metade e seus dedos apareciam através do que foram, um dia, caros tênis esportivos, sua camisa só não estava tão imunda quanto o seboso cabelo, que parecia não ver pente ou mesmo tesoura a muito tempo; Em seu rosto, o nariz vermelho e disforme tinha tantas veias que parecia um mapa, contrastando com a desgrenhada barba. Embora não tão próximos, o odor dos dias sem banho nos chegava. “Olá, neném. Como

O Deus de cada homem

Imagem
Quando digo “meu Deus”, afirmo a propriedade. Há mil deuses pessoais em nichos da cidade. Quando digo “meu Deus”, crio cumplicidade. Mais fraco, sou mais forte do que a desirmandade. Quando digo “meu Deus”, grito minha orfandade. O rei que me ofereço rouba-me a liberdade. Quando digo “meu Deus”, choro minha ansiedade. Não sei que fazer dele na microeternidade. De Carlos Drummond de AndradeRecortes Vi no Recortes e quiz compartilhar

Como funcionam os testemunhos?

Imagem

A propaganda de cereal mais abestalhada da história

As vezes, acho que nossos políticos nos tratam assim...

Entre louvores e adoração: do que se trata?

Imagem
por Zé Luís Esse conjuntinho de palavras tão utilizadas por miríades de cantores de músicas de cunho “evangélico”(uso o termo para aquele cristão chamado protestante, mas que assumiu um aspecto um tanto místico, meio radical-fundamentalista em sua compreensão um tanto rasa, com frases prontas e crenças absurdamente desconexas) é uma “Tag” de uma vertente de mercado fonográfico que rende milhões. Mas afinal: Você já parou para pensar sobre o significado destas palavras? Louvor e adoração? Você louva a Deus pelo que Ele faz, e adora a Deus pelo que Ele é. Quando você reconhece que o Mestre está por trás daquela situação inusitada e maravilhosa, é inevitável que você louve-O por suas obras e ações. Alguns se emocionam, choram, outros gesticulam e saltitam, reações variadas muito de ser para ser. No Brasil , por exemplo, na explosão da comemoração de um gol no futebol, muitos jogadores erguem os indicadores ao céu, e agradecem a Deus, não sem depois soltar um sonoro palavrão e cuspir

Não sei se rio, ou só lamento

Imagem

Um bom exemplo do que deveria ser a igreja

Após um erro, o touro acerta seu provocador, e avança furioso em quem ele consegue. Os amigos? Um verdadeiro show do que poderia ser exemplo para cristãos. Entenda: não aprovo touradas, não as aprecio. Mas faço parte de uma outra realidade: aqui, nós os criamos só para poder digeri-los. Bom seria se tivessemos o sentimento de proteção altruísta daqueles ali mostrados. Vi o vídeo no Uhull

Redescobrindo velhas novidades

Imagem
Deixe a imagem turva, sem piscar, por 30 segundos - clique para ampliar por Zé Luís Como já contei, estamos de mudança. No processo de encaixotar velhos livros e documentos, achei uma brochura com pequenos cartões com imagens abstratas (como essas postadas neste). Dei uma parada no que fazia para tentar ver as imagens ocultas, o que é um processo até cômico: você contempla a imagem sem piscar por trinta segundos, vesgo, até que a imagem se alinhe,e então: está lá. Meus filhos me olhavam com estranheza, o de 18 disse:"já tentei e nunca vi nada do que o pai diz ver, coitado, está senil..." Já o Gabriel, o de 15, nem se animou pelo que o mais velho disse, embora arriscara olhar rapidamente. Com o mais velho rindo da vesgueira que ele fazia, desistiu. Já o caçula, de 10 anos, que acabava de chegar da rua, viu os cartões na minha mão, e perguntando como fazia, não se demorou a conseguir enxergar a mágica da aparição 3D. Ele deu um berro e uma risada, achando aquilo o má

Faça você mesmo seu mega-sucesso musical

Jon Lajoie é um maluco, humorista americano. O problema é que no vídeo acima, ele denuncia como funciona a indústria musical. Pior: apesar de ser pura verdade, creio que ninguém que gosta destas "..." vai deixar de ouvi-las, ou pelo menos aceitar que não passa de parte de uma imensa massa manobrável. Indicação preciosa da Leilahh

Afastado, desviado, desiludido...

Imagem
por Zé Luís Conheço muitos dos chamados “desviados”. Onde trabalho eles se multiplicam na velocidade em que seus raciocínios e desejos se alinham (sem contar as milhares de confissões públicas pela internet). Embora haja quem os chame para voltar à igreja, estes, os que tentam a reconciliação, são em bem menor número dos que frequentam igrejas evangélicas, o que pode significar uma tendência: Seria de se esperar que a totalidade dos que frequentam cultos ao Mestre se empolgassem nessa tarefa, recuperar “ovelhas perdidas”. O detalhe é que muitos daqueles que – aparentemente – permanecem no Caminho, não o entende e por isso, em algum momento, sabem que são candidatos a estarem se afastando destes lugares, engrossando a estatística dos que se afastam das denominações ditas cristãs. O cheiro do “redio” está cada vez mais insuportável para eles, apertado, e a grama, regada com promessas de ração para lobo, já não enchem mais o estômago daquelas que deveriam ser apenas ovelhas. “Eu nunc

Pescaria bem acompanhada

Imagem

Uma história que não gostaria que fosse real

Imagem
 por Zé Luís -Mas não faça isso! Seu cabelo está bacana! - disse Joel, quando o adolescente voltou ao salão, olhar sombrio, inchados como os de que choram muito. Ele ordenava que o cabeleireiro passasse a máquina, deixando-o praticamente careca. Fora o pai quem mandara. Quando ele chegou em casa e viu o corte moderninho do feliz garoto, que já fazia sucesso com os meninas da vizinhança, teve um ataque histérico ainda na calçada: -O que você fez? Filho meu não anda com cabelinho assim não! - esbravejou o pai, ainda com o carro na porta da garagem. O moço tentou argumentar, mas ele, o pai, estava irredutível. Que voltasse ao cabeleireiro no dia seguinte e raspasse a cabeça, se necessário. Não queria nunca mais ver aquela “palhaçada” na cabeça do moleque desajuizado, segundo ele. E não houveram mais argumentos. Joel, o cabeleireiro que cumpriu a ordem de seu cliente deixando-o careca, disse que ainda naquele final de dia, ouviu-se os urros desesperados do pai quando voltou do trabal

Na Índia: gisnástica olímpica e pau-de-sebo

Estava pensando em chamar a Daiane dos Santos para a próxima festa junina.

Retrostorm - Viajando com os games das antigas

Pessoal da minha geração reclama que desenho animado de hoje é sem graça, que já não fazem mais personagens de "crasse" como Hanna-Barbera, por exemplo. Game também. Nada melhor que joguinho em 2D, com definição gráfica com pouquíssimos pixels, musiquinha mântrica... Exageros a parte, para quem jogou muito Atari e Snes, o vídeo é legal de ver. Vi no Uhull

Mudanças a vista

Imagem
 por Zé Luís Estou prestes a mudar de imóvel. Após vinte anos, volto a morar em um apartamento. É hora de abrir os armários e guarda-roupas, avaliar tudo que se acumulou em anos, encaixotar aquilo que será levado, botar fora a porcaria acumulada. Pelo menos é assim que deveria ser. Na prática, é desgastante o processo. Começamos bem, com bom ritmo, mas nos apegamos aos cacos, a pedaços de plástico gasto, a folhas rabiscadas a anos em cadernos velhos e agendas remotas. Aquela caneta ressequida permanece entulhada entre as velhas revistas guardadas, sabe-se Deus lá porque. Descobrir livros perdidos, encontrar finalmente o bendito relógio sumido, caído atrás da estante. Existe mais para se desfazer do que imaginei(ou podia admitir). No começo, é rápido: lixo, saco, rua. Mas com o passar das seleções, surge, por exemplo, aquela pantufa ridícula e gasta que insiste em continuar na casa, por mais que toda a família proteste, implorando para que eu abra mão de ser ridículo, tarefa dific

A origem - cenas cortadas do filme

Imagem

Forgiveness - Conhece Diane Birch?

Uma voz diferente, linda, numa mocinha que canta músicas cristãs. Gosto muito, mas nem todo mundo conhece aqui no Brasil. Então...

Quando o vento soprar

Cada crente tem, pelo menos, uma destas canções tatuados em sua história Não tanto pelo que se canta, ou o talento do cantor, ou a "unção" na qual ela está carregada(tenho um certo receio neste quesito). Creio que elas marcam pelo momento da vida que se está vivendo, e a forma única em que o Mestre a usa para nos consolar, exortar ou ensina. Quando ouvi essa música pela primeira vez, através de uma rádio, quase bati o carro. Viajava sozinho pelo sul do país, em minhas prolongadas viagens exigidas pelo meu trabalho. Angustiado, carecia de alívio na alma, respostas para situações além das soluções possíveis pelas ações pessoais. A letra fala sobre a visão de Ezequiel no Vale dos ossos secos, quando ali são restaurados pelo simples soprar do poder de Deus, que era o próprio Deus, e todos não passavam de um imenso aglomerado de lixo humano. Quanto tempo todos aqueles ossos ressequidos estiveram ali, esquecidos como tem que ser, sem identidade, sem história, na vala comum onde

Pobre garoto: papai pegou seu video-game

Imagem

Carta de um pastor a um apóstolo

Imagem
Digão Oi, Joãozinho, como você vai? Rapaz, estou com saudades de você, dos tempos do seminário, quando eu, você e a minha esposa nos divertíamos com os outros colegas comendo pastel com garapa, mas também nos consternávamos em ver como éramos pequenos diante da infinita graça e misericórdia do Senhor. A saudade deve ser porque estou remexendo minhas coisas, e achei alguns cadernos daquele tempo, com meus garranchos que, acho, nem eu conseguirei mais ler! Realmente, você tinha razão, minha letra era (e continua sendo) horrorosa! Recentemente encontrei na internet o site da igreja que você pastoreia. Rapaz, que coisa linda! E como vocês cresceram! Que povo animado e alegre, ao menos pelo que vi das fotos! Mas, Joãozinho, o motivo de lhe escrever vai além da saudade e do apreço que tenho por você. Estou muito preocupado, sabe? Como você mesmo disse, eu sou “muito eu”, ou seja, não consigo esconder algo que sinto. E me sinto no dever de falar com você. Vi que você agora é chamado de

Cada época tem seu contexto

Imagem

O fim das orquestras? Dá uma ouvida no que ela faz

Creio que não sou só eu que sou fã da série.

As melhores piores cantadas (22?)

Imagem

Stripers protestam na hora do culto em frente a igreja americana

Imagem
Strippers de um clube de Warsaw, a quase 100 quilômetros de Columbus, no estado de Ohio (EUA), protestaram no domingo em frente a uma igreja, no horário em que as pessoas estavam chegando para o culto, segundo reportagem do jornal "Columbus Dispatch". (Foto: Reprodução/Columbus Dispatch) Dono de uma casa de strip, Tommy George organizou o protesto. Motivo: o pastor Bill Dunfee tem ido aos fins de semanas com membros de sua igreja filmar a placa dos carros das pessoas que frequentam os clubes adultos. Em seguida, Dunfee publica os vídeos na internet. George chegou a processar a igreja, alegando uma violação de seus direitos constitucionais, mas perdeu a ação. Por isso, ele decidiu adotar a mesma tática do pastor. George disse que eles finalmente aceitaram o convite constante feito por Dunfee. "Os membros da igreja dizem coisas horríveis sobre nós", disse a stripper Gina Hughes, que participou do protesto. Gina destacou que ela e as outras mulheres e

Sobre divergências teológicas

Imagem
 por Zé Luís Há alguns anos, não raro era me encontrar em ferrenhas discussões em um fóruns virtuais. Os temas consistiam em discutir as diferentes formas de compreensão sobre versículos bíblicos, como por exemplo a existência após a morte. Eu cria (e tinha informações bíblicas que me embasavam) que se, alguém morre, sendo salvo, continuaria existindo. Gostava de me imaginar passeando em algum lugar excepcionalmente sublime e incrível. Meus pontos de vista estavam impregnados deste raciocínio e, quando você conta uma história, não demora a revelar seus contextos pessoais, filosofias, crenças, raciocínios próprios, valores. Imaginemos um mesmo tema como a morte, com autores de diferenças crenças: um budista vê a morte como um ciclo, onde tudo se une, deixando de existir para se juntar a uma forma indefinível e impessoal. Um ateu vê a morte como o desligar de um aparelho biológico, o que muito se assemelha aos Testemunhas de Jeová ou Adventistas com sua crença no aniquilacionista. Su

Bastidores do Poder

Imagem

Uma ovelha fala da vida no rebanho

Imagem
Por Ariovaldo Ramos O nosso dono é o meu pastor, ele não terceirizou o nosso apascentamento, ele mesmo cuida de tudo e eu não preciso de mais nada. O movimento de nosso pastor é me levar a descansar. Ele nos coloca num pasto estourando de verde, e eu como daquela abundância! Mas, miraculosamente, contrário ao que me seria natural, ao invés de comer, vorazmente, até consumir a própria raiz da relva toda, eu como a me saciar e deito-me em completo descanso. Nosso pastor me faz compreender que não preciso me desesperar, sempre haverá alimento para nós. Aí, ele nos leva para tomar água, e como eu sou estabanada, e qualquer movimento me leva a perder o equilíbrio, ele me leva a um lugar especial: não é água parada, então, não corro o risco de contrair nenhuma enfermidade; e, também, não são águas corredeiras, então, não corro o risco de ser arrastada pela correnteza; são águas tranqüilas, e, nesse estado de descanso, me dessedento tranquilamente, sabendo que não serei atacada enquanto m

Mãos Transformers: quando não tiver o que fazer...

Ainda com as piores cantadas

Imagem