Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2013

Off-topic: Perfumes importados e seus similares nacionais

Imagem
Sei que o assunto não tem nada haver com o blog, mas para quem não sabe, sou "meio" viciado em perfumes, e a matéria abaixo visto no Perfumístico  dá boas dicas sobre "equivalências" dos perfumes importados com os feitos aqui pelo Boticário, Água de Cheiro e outros. Não conheço todos, mas são dicas excelentes: se você quer comprar aquele Drakkar importado, o Styletto atende, assim como Egeo Dolce se assemelha ao Fantasy, de Britney Spears.  Eu, particularmente, sempre importo no Fragrancex, site americano, que tem preços bem em conta (mesmo se a Receita taxar nos 60%), uma variedade excelente e nunca deixou de entregar (apesar da necessidade de entender bem o que o site propõe e nosso Correio ser horrível para o quesito "importação" em diversos casos. (caso queira comparar preços de importados, clique no banner abaixo) Por Raphaela Perin Se você já comprou um perfume que copia a fragrância de um importado, sabe que não é um bom negóc

Talvez, o guitarrista mais rápido do mundo

Imagem
vahid iran shahi é russo e simplesmente não parece ter similares no que faz. O triste não é apenas o cara ser rápido, mas tocar desse jeito parecendo nem prestar atenção no que está fazendo. Siga @cristaoconfuso pelo Twitter

Gente horrível

Imagem
por Zé Luís Existem vantagens de viver na Terra Média, mundo fictício dos Senhor dos Anéis. Apesar das guerras e toda a trama que beira a obscuridade, os vilões da história são facilmente identificados, assim como o seu local de origem: Mordor. Lá é a cidade dos orcs, vilões horríveis na aparência e no comportamento moral e ético. Essa é uma das grandes vantagens, e creio que uma explanação cabe, caso não se tenha alcançado o raciocínio para entender essa qualidade naquele pequeno inferno. Os vilões da história são facilmente identificados: feios, selvagens, e conscientes de que estão do lado mal do enredo. Sabem quem atacar e estão cientes sobre quem servem: são de Sauron, a quem restou apenas um olho malévolo que observa o tempo todo, na procura do poder que lhe restaurará as forças. Ali está o mal da trama, sem sustos, sem dúvidas. Se você serve a Sauron, você é horrendo. Se não, você pode ser um cavaleiro honrado, um hobbit engraçadinho, um belo e alinhado elfo da flor

Anabela liga para rádio

Anabela, portuguesa de Malhadas, liga para a rádio para tentar um palpite e, quem sabe, ser premiada. O locutor bem que tentou manter a voz séria, mas coitado...quem consegue ficar? Siga @cristaoconfuso pelo Twitter

Os pobres e os insetos

Imagem
Uma das diversas fotos do genocídio em Rwanda em Uganda* por Ricardo Gondim Por anos, achei esquisito os gringos pensarem que a capital do Brasil é Buenos Aires. Agora entendo. Eles nos tratam com a mesma distância que nós, os brasileiros, conhecemos a África ou o Haiti. Não sabemos quase nada sobre a realidade dos países pobres do mundo. A grande maioria dos brasileiros desconhece os horrores da África. Verdadeiros holocaustos ocorrem no Congo, Darfur e Zimbábue e a grande mídia relata muito pouco sobre os genocídios que a pobreza produz. Quantos podem dizer a capital do Congo? Tragédias repentinas provocam grande alarde. Tsunamis e furacões solampam a previsibilidade mínima que esperamos da vida. Já as hemorragias lentas, com a morte de milhões, são toleradas. Suportamos a miséria porque os limites do aceitável, na devastação de vidas, são expandidos milímetro a milímetro. A condescendência midiática chega a ser criminosa. Por que não se fazem reportagens especiais sobre a

Para cada tarefa, sua ferramenta...

Imagem
por Zé Luís Gosto de ferramentas. Pudesse, teria uma garagem cheia delas. Quando criança, morava numa rua sem saída e no fim da rua uma grande oficina de veículos, com direito a funilaria, elétrica, mecânica. Claro: eu e os outros meninos invadíamos o local durante as brincadeiras inocentes da época , e ficávamos olhando aquele monte de peças de metal penduradas numa chapa de madeira na parede.  Um dia, um dos mecânicos me explicou a sutil diferença, ao me pedir um alicate de corte no lugar de um universal. Sem saber, peguei um alicate de pressão, quando ele, debaixo de um carro, me pediu a ferramenta para liberar a fiação amarrada numa calha do velho veículo. O alicate que levei não cortava, apenas tinha a capacidade de apertar uma peça de tal forma que se tornava uma alavanca. O universal corta fios, não tão bem quanto o de corte, e aperta, não tão bem quanto o de pressão, mas atende em certas ocasiões. Encantei-me: chaves de fenda, Philips, Torx, Allen, estrela de de b

Irritando o cãozinho

Imagem
Animação legal. Dica do colega André  6040...rsrs Siga @cristaoconfuso pelo Twitter

Minhas noites de Daniel

Imagem
por Iara de Du Pont Tenho uma amiga que procura todo mundo no Facebook, pessoas que dividira um brinquedo com ela na creche, não importa o ano, ela acha. Já cansei de discutir com ela sobre isso, o passado a gente não procura, se ele quiser que volte. Acredito no filtro que a vida coloca, caso contrário a vida de todo mundo seria mais bagunçada do que já é, seria impossível conviver ou saber de todas as pessoas que cruzaram nossos caminhos. Um tempo atrás eu comentei com ela sobre um amor perdido, Daniel, que eu gostaria de saber por onde andava. Ela varreu o Facebook e não achou nada. Mas guardou o nome e semana passada me mandou um link, achando que podia ser ele, porque as informações batiam. Entrei na página dele e fiquei na dúvida, pelas fotos não parecia ser ele, mas resolvi arriscar, nem sei o que me moveu, mas sempre tive vontade de saber dele. Como não tinha certeza se era ou não, mandei uma mensagem, dizendo que eu tive um amigo com o nome dele e gostaria de sabe

Uma simples moeda e uma grande surpresa

Imagem
por Zé Luís Creio que a menina jamais imaginou o que seu pequeno pagamento proporcionaria a ela, e por consequência, todos os que ali estavam e puderam desfrutar do que a pequena oferta dada por ela. Ninguém a coagiu. Talvez ela só tivesse aquilo no bolso, mas ela queria o que aquele homem tocaria com o estranho instrumento. Como imaginar o que aconteceria? A história não é nova. Certa vez, após p mais memorável sermão de todos os tempos, o povo estava faminto e não havia barraquinhas de cachorro quente ou um barzinho que fizesse um misto quente. Entre tantas pessoas presentes, milhares, apenas um menino tinha um lanchinho, peixes e pães, suficientes para ele.  Ele entregou, correndo o risco de ser passado para trás, de ficar sem o pouco que tinha, e experimentar a fome com os milhares dali. Entregar para aquele grupo de pessoas  após entregar aos que lhe pediram, aquele pouco transformou-se em alimento para centenas de famílias. Quem imaginaria?  Por caus

Aquela sensação frustrante de que as coisas poderiam ter sido melhores...

Imagem
por Zé Luís Não são poucos os filmes sobre viagens no tempo: pessoas que retornam em pontos cruciais da história, onde uma simples escolha fará toda a diferença e tentam mudar seus destinos. Não precisamos ir muito longe: O momento em que se percebe que um pequeno ajuste poderia fazer toda a diferença na vida do próximo, quando o vê insistindo e errando em coisas simples, atribuindo a Deus  - ou ao inferno seu fracasso, já que não consegue entender onde está a falha. Torna a cometer o erro, amaldiçoa o dia, e se julga incapaz e burro. Aquela fase do jogo que você não consegue passar, mas um outro jogador conclui sem problemas, enquanto conversa ao telefone sobre um assunto totalmente diferente. Aquele músico eternamente iniciante que insiste em fazer a passagem errada por falta de conhecimento técnico, o bendito “solinho” que faz toda a diferença e simplesmente não sai. O outro, mais completo e experiente, de cara, saca na hora que aquele ali se aventurou na “raça”

O que há de diferente nessa imagem?

Imagem
Quanto tempo você demorou prá enxergar o diferencial dessa foto? Siga @cristaoconfuso pelo Twitter

Segredo revelado:

Imagem
É sério... sempre quis saber como fazia isso... tá... tá bom...  Siga @cristaoconfuso pelo Twitter

Revelado: qual o segredo das fotos dos anúncios?

Imagem
Normalmente o uso para as fotos nunca é leite e sim, cola branca Sim: nós comemos com os olhos. Mas nem só de Photoshop viverá a publicidade. Existem truques bem básicos capazes de dar um aspecto excelente (e nada nutritivo) às fotos que certamente, você se soubesse, jamais teria salivado.

Eu sei. Você imaginou que estava vivo...

Imagem
Siga @cristaoconfuso pelo Twitter

O mundo ainda supera o Photoshop

Imagem
Creia: essas imagens não foram editadas, manipuladas ou coladas. São fotografias de um mundo incrível: o mundo onde vivemos.

É exatamente por aí...

Imagem
Pois, que adianta ao homem ganhar o mundo inteiro e perder a sua alma? Ou, o que o homem poderia dar em troca de sua alma? Marcos 8:36-37 Siga @cristaoconfuso pelo Twitter

Hilário: Cai-cai Balão Gospel por Marcelo Adnet

Imagem
Você nunca mais verá aquele "louvorzão gospel" da mesma forma. Eu mesmo tive um ataque de riso aqui... A MTV como TV aberta já não existe mais. mas ela nos deixou muitas pérolas. Tive que tomar muito cuidado para não achar que o humorista debochava de Cristo. Não: ele caricaturiza os trejeitos de nossos ministros-cantores evangélicos... pelo menos alguns. Nem os músicos aguentam a paródia Dica preciosa da emblemática Carla Luna , menina do Reino. Siga @cristaoconfuso pelo Twitter

Conseguiram: um robô quadrupede - Conheça o WildCat

Imagem
Inicialmente, parece apenas um pedaço de lata com um motor barulhento. De repente, ele se levanta e começa a saltitar.  Aguardemos o que isso trará em mudanças tecnológicas para os próximos anos. Siga @cristaoconfuso pelo Twitter

Diálogo entre pinguins

Imagem
Se a imagem ainda não disse o que tinha que dizer, alguém muito maior poderá explicar: Por isso vos digo: Não andeis cuidadosos quanto à vida de vocês, pelo que terão de comer ou pelo que terão de beber; nem quanto ao vosso corpo, pelo que vestirão. Não é a vida mais do que o mantimento, e o corpo mais do que o vestuário? Mateus 6:25 Siga @cristaoconfuso pelo Twitter

As maiores "burradas" feitas após minha conversão

Imagem
Nota do editor: Creio que muitos "neo-pentecostais" viveram alguma coisa dessas relatadas abaixo. Eu mesmo, infelizmente, passei por isso, e ao cair "na real", uma profunda revolta me atingiu, e quis culpar meu Mestre por tamanha imbecilidade. A propósito: mudei o título do texto original. Não era "burrada". A palavra usada era "cagada". Quase esqueci que o oportunista não teme nada, apenas a falta de dinheiro. por João Carlos Desculpem a expressão, mas não há outra melhor. Segue algumas que lembro aleatoriamente: Em uma campanha na igreja, levei para casa uma ‘réplica’ da Arca da Aliança em papelão, onde coloquei um pedaço de papel com meus pedidos. A tal de arca tinha que ficar em casa por um determinado período, sendo depois devolvida na igreja com uma oferta sacrificial pré-estabelecida no dia que peguei a mesma. A passagem bíblica que serviu de “base” para isso foi 2 Samuel 6.11-12: “E ficou a arca do Senhor três meses na casa de

Confissões de pastor

Imagem
por Zé Luís Tenho amigos pastores. Alguns conhecidos aqui, em comentários que ninguém mais leu. Não é necessário que saibam seus nomes, e bem possivelmente o que se seguirá seja apenas coletâneas sobre invenções, ficções sobre pessoas que abraçaram uma vocação quando nem sabiam ao certo o que isso significava. Meu amigo pastor “imaginário” parece ter dificuldades em lidar com essa banalização do que chama ministério. O mesmo título que lhe concede certa autoridade diante dos fiéis, acaba por trazer certas crises com o decorrer do tempo. Desde o começo, bem antes de conquistar esse título, era natural ter que lidar com o pré-conceito popular sobre o suposto interesse no pastorado ao cargo por causa dos dízimos e ofertas. Ele, no caso, não entrou nessa por dinheiro, embora ele mesmo confesse que atualmente esse caminho pode realmente ser bem rentável para quem pretende trilhá-lo.  Preciso de um nome para esse ministro evangélico. Teófilo, um nome bíblico. Umas da

O irônico mundo nas ilustrações de Pawel Kuczynski

Imagem
Eu não conhecia, mas já virei fã! Excelente a profundidade das informações em suas ilustrações O artista polonês Pawel Kuczynski nasceu em 1976 em Szczecin. Formado com especialização gráfica na Academia de Belas Artes de Poznam, é famoso por suas ilustrações críticas que nos fazem pensar na vida, na política e tudo que existe de importante neste mundo… Veja Mais